fbpx
declarar financiamento imovel ir

Entenda tudo sobre como declarar imóvel financiado no IR

Quando se fala em Imposto de Renda, muitas pessoas já se sentem um pouco perdidas, principalmente quando se trata de declarar o financiamento de um imóvel. Não se preocupe! Neste artigo, explicaremos passo a passo como declarar imóvel financiado no IR, além de responder às perguntas mais frequentes sobre o assunto.

A declaração do Imposto de Renda é uma obrigatoriedade para muitos brasileiros. Ao comprar um imóvel você pode passar a ficar obrigado a entregar a Declaração de Ajuste Anual. Se este imóvel foi financiado, você deverá fazer menção deste financiamento e informar as parcelas pagas em cada ano-calendário.

Vamos ver a importância e os procedimentos para essa declaração!

Quando declarar o financiamento de um imóvel?

Muitos brasileiros podem se questionar se precisam ou não declarar determinados bens no documento. No caso dos imóveis, todos devem ser declarados, inclusive os financiados. Se houver mais de um financiamento, é necessário declarar cada um deles separadamente, com as informações específicas.

Lembrando que imóveis abaixo de R$300.000,00 não precisam ser declarados.

No caso de financiamento, o correto é informar exatamente o total do valor pago durante todo o ano-calendário, e não o valor total do imóvel, que deve ser declarado.

Por exemplo, se o imóvel que você comprou possui o valor de R$450.000,00, contudo, você irá dar uma entrada de 25% do valor do imóvel e o restante será parcelado em 5 anos, equivalente a R$112.500,00. Além disso, foram pagos 3 parcelas do financiamento de R$6.000,00 cada. 

Em sua Declaração de Ajuste Anual, você irá informar o valor de R$130.500,00 (R$112.500,00 + R$6.000,00 * 3).

As demais parcelas que ainda não foram pagas, só entrarão em sua DAA quando de fato for concluído o pagamento. É muito comum que as parcelas do financiamento ainda não pagas sejam declaradas em “Dívida e Ônus Reais”, contudo isso só valerá caso o financiamento não tenha o imóvel como garantia. 

Saiba ainda que mesmo que o imóvel seja localizado no exterior ou mesmo que o financiamento venha de fontes não localizadas no Brasil, se você é um residente fiscal no Brasil, tanto o imóvel, quanto o financiamento devem ser declarados em seu IRPF – Imposto de Renda de Pessoa Física.

Leia também sobre como declarar um imóvel no exterior

Passo a passo para declarar imóvel financiado no IR

  1. Abra o programa da Receita Federal, baixe e instale o programa de declaração do IR do ano vigente.
  2. Na seção “Bens e Direitos”, selecione a opção “11 – Apartamento” ou “12 – Casa” e clique em “Novo”.
  3. Preencha os campos solicitados, como a descrição do imóvel, os dados de aquisição, o valor pago, o endereço completo, entre outros.
  4. No campo “Situação em 31/12/2023”, informe o valor atualizado do imóvel.
  5. Caso o imóvel tenha sido adquirido em anos anteriores, é importante informar o valor pago na época da compra e atualizá-lo de acordo com a tabela da Receita Federal.
  6. Caso o imóvel tenha sido adquirido por meio de financiamento, informe os dados do financiamento na seção “Dívidas e Ônus Reais”.
  7. Caso o imóvel já seja quitado e você tenha recebido rendimentos com ele, informe esses valores na seção “Rendimentos Tributários Recebidos de Pessoa Física e do Exterior”.

Perguntas frequentes sobre a declaração de imóvel financiado

E se eu vender o imóvel?

Ao vender, você deverá analisar a necessidade de realizar a Apuração do Ganho de Capital e a possibilidade de pagamento do IR sobre o lucro da venda. De qualquer modo, será necessário informar a operação na aba “Bens e Direitos”. Se houver Ganho de Capital, você irá importar o arquivo do Programa GCAP para o Programa do IRPF, e  a aba “Ganhos de Capital” será automaticamente preenchida.

Posso deduzir os juros do financiamento?

Não, os juros de financiamentos imobiliários não são dedutíveis no IR.

Declarar um imóvel financiado no Imposto de Renda pode parecer complicado, mas com atenção aos detalhes e seguindo o passo a passo, fica mais fácil garantir que tudo está em ordem. 

Mantenha sempre a documentação do financiamento em mãos ao preencher sua declaração, para evitar qualquer problema ou inconsistência. Seja transparente e preciso, assim, sua declaração será processada sem contratempos. E se precisar de ajuda com o preenchimento de sua declaração, conte conosco!

Se surgirem mais dúvidas sobre impostos, nosso blog está cheio de artigos para te auxiliar a entender mais esse mundo, como este sobre como declarar conta conjunta no IR.

Pode ficar a saber mais sobre:

Brasil Tax
A Brasil Tax é em Consultoria Tributária especializada em não residentes no Brasil. Oferecemos soluções simples e dentro da lei.

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Share This

Copy Link to Clipboard

Copy